quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

UFO brilhante sobre canoas, Brasil

23/12/2011

Fonte: http://www.youtube.com/user/ufostore1

OVNI avistado sobre cidade russa

29/12/2011

Um objecto voador não identificado (OVNI) foi avistado sobrevoando a cidade russa de Trekhgorny, perto da fronteira com o Cazaquistão, tendo a sua trajetória gravada e divulgada na Internet por vários habitantes.

Objeto voador foi gravado por vários habitantes da cidade.

Nos vídeos é visível que o OVNI tinha uma espécie de nuvem à sua volta, o que reforçou em muitos observadores a convicção de que não se poderia tratar de um avião convencional.

Essa região da Rússia é conhecida pelo número de avistamentos de objectos voadores não identificados.

Fonte: http://www.cmjornal.xl.pt

sábado, 17 de dezembro de 2011

Estranhos objetos nos céus do mundo!

12/12/2011

Yohanan Diaz apresenta a informação sobre as misteriosas aparições em diferentes lugares do mundo, sem que até o momento possa dar-lhes alguma explicação.

Fonte: http://www.youtube.com/user/tercermilenio

domingo, 11 de dezembro de 2011

Evidência científica de UFOs na Noruega


05/12/2011
Cientistas em Hessdalen, Noruega, filmam faixa de luzes estranhas no céu noturno, que se deslocam a velocidades de até 30.000 quilômetros por hora, enquanto moradores locais, dizem ter visto naves iluminadas. Este fato é chamado de "Fenômeno Hessdalen ".


sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Nasa diz ter prova definitiva de que houve água em Marte

Jipe-robô Opportunity encontrou veio de gesso que se forma, geralmente, pelo fluxo de água dentro de rochas

Reuters | 09/12/2011 11:16

Veios de gesso são a prova mais convincente até agora de que Marte teve água no passado

O jipe Opportunity, da Nasa, encontrou a prova mais convincente até agora de que Marte teve água no passado - um veio de gesso, mineral depositado pela água, projetando-se a partir de uma rocha antiga.

O jipe Opportunity e seu "gêmeo" Spirit chegaram em 2004 a lados opostos do planeta. Com o auxílio de sondas orbitais, eles ofereceram ao longo dos anos várias pistas convincentes de que o planeta nem sempre foi tão frio e seco quanto hoje.

A maior dessas provas, apresentada nesta semana na conferência da União Geofísica Americana, em San Francisco, é um fino veio de gesso numa rocha da beirada da cratera Endeavour, que tem 154 quilômetros de diâmetro.

O gesso geralmente se forma pelo fluxo de água dentro de rochas.

"É a observação mais 'à prova de balas' que acho que já fizemos em toda essa missão", disse à Reuters Steve Squyres, pesquisador-chefe dos jipes Spirit e Opportunity.

O Spirit não está mais operacional, mas o Opportunity continua enviando dados de Marte.

Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia

Luzes estranhas sob a Ucrânia

08/12/2011

Fonte: http://www.youtube.com/user/zzentityzz

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

2012: maias previam volta de deus e não fim do mundo, diz estudo

 Instituto Nacional de Arqueologia do México admite existir uma segunda referência ao fim do calendário, um tijolo descoberto no templo de Comalcalco. Foto: Alfonsobouchot/Divulgação

Instituto Nacional de Arqueologia do México admite existir uma segunda referência ao fim do calendário, um tijolo descoberto no templo de Comalcalco
Foto: Alfonsobouchot/Divulgação

 

As previsões dos maias para dezembro de 2012 não se referem ao fim do mundo, mas ao retorno do deus Bolon Yokte, que voltaria ao término de uma era e ao começo de outra, segundo uma nova interpretação divulgada nesta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Antropologia e História (INAH) do México.

Veja 10 teorias sobre o fim do mundo

Os especialistas Sven Gronemeyer e Barbara Macleod, da Universidade da Trobe, da Austrália, divulgaram uma nova interpretação das inscrições maias do sítio arqueológico de Tortuguero, durante a 7ª Mesa Redonda de Palenque, realizada no estado mexicano de Chiapas. A data de 21 de dezembro de 2012 citada nas inscrições do povo indígena maia gerou diversas especulações sobre supostas "profecias maias do fim do mundo", versão que foi rejeitada pelos arqueólogos e epigrafistas.

Segundo os especialistas, os maias criaram um calendário com base em um período de 400 anos, denominado Baktun. Cada era é composta por 13 ciclos de 400 anos, que somavam 5.125 anos, e, segundo a conta, a era atual concluiria em dezembro de 2012.

Gronemeyer explicou que, de acordo com a visão maia, no final de cada era, completava-se um ciclo de criação e começava outro. Nesta inscrição, menciona-se que 21 de dezembro "seria investida a deidade Bolon Yokote", um deus vinculado à criação e à guerra, que participou do começo da atual era, iniciada em 13 de agosto do ano 3.114 a.C. O epigrafista alemão indicou que essa inscrição está ligada à história da cidade maia de Tortuguero, na qual se cita o governante Bahlam Ajaw (612-679 d.C.) como futuro participante de um evento do final da era atual.

O texto de caráter narrativo, segundo Gronemeyer, mostra que os governantes maias deveriam "preparar o terreno para o retorno do deus Bolon Yokte, e que o Bahlam Ajaw seria o anfitrião de sua posse". Conforme este prognóstico, o deus Bolon Yokte presidiria o nascimento de uma nova era, que deverá começar em 21 de dezembro de 2012, e supervisionaria o fim da era atual.

"A aritmética do calendário maia demonstra que o término do 13º Baktun representa simplesmente o fim de um período e a transição para um ciclo novo, embora essa data seja carregada de um valor simbólico, como a reflexão sobre o dia da criação", comentou Gronemeyer. O epigrafista mexicano Erik Velásquez disse que, para os escribas maias, a história como uma narração de eventos humanos foi uma preocupação secundária. Eles se centravam nos rituais de qualquer tipo, por isso, "as inscrições mostram relações complexas entre o tempo, as esculturas e os prédios".

"Na antiga concepção maia, o tempo se construiu tal como as esculturas e os prédios que as continham, os períodos tinham consciência, vontade, personalidade e se comportavam como humanos", acrescentou Velásquez.

Fonte: http://noticias.terra.com.br/ciencia

Morador de Maranguape fica cego após ver disco voador

05/12/2011

Fonte: http://www.jangadeiroonline.com.br

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Nasa descobre planeta em região habitável de sistema solar

05/12/2011

Nasa diz que é o menor planeta descoberto em uma região habitável de um sistema solar. Foto: Nasa/Ames/JPL-Caltech/Divulgación

Nasa diz que é o menor planeta descoberto em uma região habitável de um sistema solar
Foto: Nasa/Ames/JPL-Caltech/Divulgación

O telescópio Kepler, da Nasa - a agência espacial americana -, descobriu um planeta em uma região habitável de um sistema solar, ou seja, onde possa haver água em estado líquido. A descoberta foi anunciada nesta segunda-feira pela agência, que afirmou que o equipamento foi usado para descobrir mais 1.094 candidatos a novos planetas.

Saiba o que é trânsito, planeta, planeta-anão e mais sobre astronomia

O planeta Kepler-22b é o menor já encontrado em uma região habitável de uma estrela similar ao Sol, mas ainda assim tem cerca de 2,4 vezes o raio da Terra. Os cientistas não sabem afirmar se ele é predominantemente rochoso, gasoso ou líquido, mas afirmam que a descoberta nos deixa um passo mais próximos de encontrar planetas parecidos com o nosso.

Segundo a Nasa, pesquisas anteriores já indicaram a presença de planetas parecidos com o nosso em zonas habitáveis, mas os indícios nunca foram confirmados. Outros corpos do tamanho da Terra já foram descobertos, mas em regiões não propícias ao surgimento da vida como a conhecemos.

"Este é um grande marco na estrada para encontrar um 'gêmeo' da Terra", diz Douglas Hudgins, cientista do programa Kepler, na sede da Nasa, em Washington. O telescópio analisa o brilho de mais de 150 mil estrelas. Quando os planetas passam em frente às estrelas, o brilho muda e o Kepler detecta - contudo são necessários pelo menos três trânsitos para se descobrir um novo astro. Os dados então são revistos por telescópios no solo e pelo Spitzer.

O novo planeta
Kepler-22b está a 600 anos-luz de distância. Apesar de ser maior que o nosso planeta, ele leva 290 dias (da Terra) para completar uma volta ao redor de sua estrela - que, por sua vez, pertence à classe G, a mesma do Sol, mas é um pouco menor e mais fria
.

Fonte: http://noticias.terra.com.br/ciencias

domingo, 4 de dezembro de 2011

Segundo eclipse total da lua ocorre em 10 de dezembro

03/12/2011

Fonte: http://noticias.uol.com.br

ETs visitam a Terra em busca de ouro e mantêm contato com líderes políticos, dizem ufólogos

01/12/2011

Os aliens não são nem bonzinhos, nem malvados.  Eles são gente como a gente, com a diferença de que não são gente, entendeu? Os ETs visitam a Terra e querem ouro e poder assim como, digamos, 99% da raça humana também quer.

Michael Tellinger, organizador de uma conferência de ufólogos que aconteceu em Johannesburgo, na África do Sul, na última semana, explica que os ETs visitam a Terra há uns 300 mil anos em busca de ouro.

“Eles são obcecados por ouro”, contou, em entrevista ao jornal News 24.

Durante essas visitas, os alienígenas clonaram seu material genético aqui na Terra e iniciaram contato com os líderes políticos daqui.

“Extraterrestres trabalham com os governos há algum tempo”, disse Laura Eisenhower, que se diz bisneta do ex-presidente americano Dwight Eisenhower.

Segundo Laura, os ETs já assinaram (eles escrevem?) vários tratados com diversos governos terráqueos.

Créditos: Huffington Post

Fonte: http://noticias.uol.com.br

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Veículo espacial da NASA vai escalar montanhas de Marte

gale-crater-mars

A Agência Espacial dos EUA, a NASA, prepara uma nova sonda para explorar Marte. O veículo, que lançado no sábado (dia 26), vai estudar em profundidade a química e a geologia do local. Para isso, terá que demonstrar uma habilidade “incomum” a veículos espaciais: a capacidade de escalar um elevado de 5 mil metros de altura no relevo do Planeta Vermelho.

Este veículo alpinista foi batizado de “Curiosity” (em português, “curiosidade”). Faz parte da missão “Laboratório Científico de Marte” (MSL, na sigla em inglês), que no total vai custar 2,5 bilhões de dólares (o equivalente a cerca de R$ 4,65 bi, na conversão atual). A sonda deve alcançar a superfície de Marte em agosto de 2012.

O local de pouso já está definido: é uma cratera de 160 quilômetros de largura, chamada “Gale”. No centro dessa cratera, que fica na “zona equatorial” de Marte, está uma montanha com mais de 5 metros de altitude (mais da metade da altura do Monte Everest), que é o alvo do estudo.

A montanha tem alto valor de pesquisa: os cientistas afirmam que ela registra a história geológica e ambiental do Planeta Vermelho ao longo do último bilhão de anos. Munido de dez diferentes instrumentos científicos, o veículo Curiosity vai fazer minuciosos estudos do solo, em busca de componentes químicos e outras informações.

Os cientistas acreditam que algumas características da base dessa montanha não sejam iguais às do cume. Para tornar o estudo mais completo, portanto, a Curiosity (que tem o tamanho de um carro comum) vai escalar a elevação até o seu topo, avançando não mais do que 200 metros a cada dia. A missão, no total, deve durar seis anos.

Créditos:  http://www.space.com

Fonte: http://hypescience.com

sábado, 19 de novembro de 2011

ANTROPÓLOGO DIZ QUE MÚMIA EM CUSCO É EXTRATERRESTRE

LIMA, 18 NOV (ANSA) - Um esqueleto encontrado há dois anos na província de Quispicanchi, no região de Cusco, no sul do Peru, foi classificada hoje por um antropólogo como um achado "extraterrestre".
Segundo o diretor do Museu Privado Ritos Andinos de Andahuaylillas, Renato Dávila, a múmia mede cerca de 50 centímetros, tem uma cabeça triangular, cavidades oculares muito grandes para serem humanas e uma parte frontal que nos humanos existe até 1 ano de idade dividida.
Dávila disse que é curioso que, apesar de apresentar essa divisão, o esqueleto possua dentes molares, que aparecem nos humanos até os quatro ou seis anos de idade.
Em um primeiro momento, ele acreditou que a ossada fosse de uma criança, mas assegurou que médicos espanhois e russos que a estudaram nos últimos anos confirmaram que ela é de um ser de outro planeta.
"Com a apreciação superficial que fizeram do corpo dois médicos espanhois e um russo em Andahuaylillas, agora nos atrevemos a dar esta notícia que vai chamar a atenção da comunidade científica", anunciou.
Dávila afirmou que não conhece nenhum grupo étnico no planeta Terra que conte com as características físicas encontradas na múmia.
A região de Cusco, localizada a 1.200 quilômetros a sudoeste de Lima, é o principal destino turístico do Peru por causa de Machu Picho, patrimônio arqueológico da humanidade. (ANSA)

Fonte: http://www.ansa.it

Criado o mapa mais preciso da superfície da Lua

19.11.11

Com ele é possível determinar graus de inclinação de todos os principais terrenos de nosso satélite

A Agência Espacial Norte-Americana (NASA) divulgou o mais exato mapa da superfície da Lua já feito até então, produzido usando informações enviadas pela nave Lunar Reconnaissance Orbiter (LRO), lançada em junho de 2009. As imagens revelam depressões e elevações em quase toda o satélite natural. Um pixel no mapa representa uma área praticamente igual a dois campos de futebol.
"Nossa nova visão topográfica da Lua fornece os dados que os cientistas lunares esperavam desde a era das missões Apollo", disse Mark Robinson, cientista-chefe da câmera da LRO. Com o mapa, segundo Robinson, é possível determinar os graus de inclinação de todos os principais terrenos geológicos da Lua em uma escala de 100 m, além de determinar como a crosta lunar foi deformada, entender melhor a mecânica das crateras geradas por impactos e planejar melhor futuras missões, tripuladas ou não.
Dois instrumentos foram usados para produzi-lo: a câmera com lente grande angular e um altímetro a laser. A nave LRO foi lançada à órbita lunar carregando seis instrumentos projetados para coletar informações detalhadas sobre o ambiente do satélite natural da Terra.

Fonte: http://www.ufo.com.br/noticias

Nasa capta movimento nas dunas de Marte

DA EFE

As dunas de Marte são muito mais dinâmicas do que se imaginava e chegam a se deslocar vários metros, segundo constataram um grupo de cientistas da Nasa (agência espacial americana) graças às imagens da sonda de reconhecimento MRO que orbita o planeta vermelho e que foram divulgadas nesta quinta-feira (17).

Nasa/Efe

Dunas marcianas se deslocam por vários metros; antes, pensava-se que esse movimento era mais lento

Dunas marcianas se deslocam por vários metros; antes, pensava-se que esse movimento era mais lento

"Estamos acostumados a pensar que a areia em Marte é relativamente imóvel, por isso estas novas observações estão mudando nossa perspectiva", afirmou Nathan Bridges, cientista do Laboratório de Física da Universidade Johns Hopkins, em Maryland.

Segundo Bridges, que publicou suas descobertas na revista "Geology", ou Marte tem mais rajadas do que se pensava "ou os ventos são capazes de transportar mais areia".

A superposição das imagens detectadas pela sonda mostra claramente o movimento das dunas, algo que contrasta com as teorias científicas de apenas uma década atrás que apontavam que estas não se movimentavam ou faziam em um ritmo tão lento que não se podia detectar.

A sonda Mars Reconnaisance Orbiter (MRO), lançada em 2005, e as imagens captadas pela câmera de alta resolução HiRise, permitiram documentar o movimento anual de uma dúzia de dunas e outras formações em todo o planeta.

A atmosfera de Marte é muito tênue e por isso são necessários ventos muito fortes mesmo que para movimentar um grão de areia. De acordo com os cálculos, apenas ventos de 130 km/h podem movimentar essas pequenas partículas que na Terra se deslocariam com ventos de 16 km/h.

Os cientistas declararam que não registraram movimento em todas as dunas observadas, mas destacaram que esta descoberta ressalta a importância da vigilância a longo prazo em alta resolução.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Oceano extraterrestre de Europa pode abrigar vida

18/11/2011

Capa de gelo sobre mar de uma das luas de Júpiter é mais fina do que se pensava
Europa2galileo

RIO - Há algum tempo os cientistas acreditam que Europa, uma das luas de Júpiter, guarda um imenso oceano líquido escondido sob uma grossa camada de gelo. Agora, novo estudo, publicado na edição desta semana da revista “Nature”, indica que esta cobertura glacial pode ser mais fina do que se pensava em algumas áreas, aumentando o potencial de ele abrigar vida.

A presença de água em estado líquido é considerada essencial para o desenvolvimento da vida como conhecemos. Por isso, sinais de sua existência presente ou passada são o foco de muitas pesquisas na busca por uma biologia extraterrestre. Em estudo divulgado em agosto deste ano, cientistas da Nasa identificaram o que parece ser água líquida ainda correndo na superfície de Marte. E o novo veículo-robô da agência espacial americana que vai explorar o planeta vermelho, o Curiosity, com partida prevista para o fim do mês, tem como principal objetivo verificar se ele algum dia já teve condições de abrigar vida.

Com base em observações feitas pela sonda Galileo, que orbitou Júpiter e estudou suas luas até 2003, e pesquisas sobre as calotas polares e glaciares da própria Terra, cientistas liderados por Britney Schmidt, da Universidade do Texas, descobriram que pelo menos uma região de Europa tem um corpo d'água líquida com área equivalente aos Grandes Lagos da América do Norte preso pouco abaixo do gelo. O lago extraterrestre estaria coberto por banquisas flutuantes em colapso, o que abriria caminho para troca de nutrientes, material e energia com a superfície e aumentaria as chances para o desenvolvimento e sobrevivência de formas de vida.

- Uma das opiniões da comunidade científica é que, se a capa de gelo é grossa, isso é prejudicial para a biologia, já que pode significar que a superfície não se comunica com o oceano abaixo – conta Schmidt, principal autora do artigo na “Nature”. - Agora nós temos evidências de que, embora o gelo seja grosso, ele se mistura vigorosamente. Isso pode fazer mais habitável de Europa e seu oceano.

Os cientistas se focaram em imagens da Galileo – ela mesma responsável pela descoberta dos sinais de que há um oceano líquido sob o gelo na lua de Júpiter – que mostram duas regiões protuberantes e de formato circular na superfície de Europa chamados “terrenos caóticos”. Formações semelhantes são encontradas na Terra nas calotas polares e em glaciares sobre vulcões. Os pesquisadores desenvolveram então um modelo em quatro etapas para explicar como elas teriam surgido na lua joviana, conseguindo assim resolver problema nas observações, que ora indicavam que a cobertura glacial de Europa era grossa, ora indicavam que era fina.

- Li o artigo e logo pensei que sim, isso faz sentido – comentou Robert Pappalardo, cientista sênior da Divisão de Ciências Planetárias da Nasa que não fez parte da equipe do novo estudo. - É o único modelo convincente que se encaixa com toda a gama de obervações. Para mim, é a resposta certa.

Ainda assim, tanto a existência do oceano sob o gelo da superfície de Europa quanto destes “lagos” presos próximo à superfície são fruto de inferências e especulações. Segundo os cientistas, a água se manteria líquida graças à força das marés gravitacionais de Júpiter, possível atividade vulcânica e até mesmo calor gerado pelo decaimento de elementos radioativos no seu núcleo. Para alguns, esta combinação poderia não só possibilitar o aparecimento de vida como também estimular sua evolução.

- A verdadeira chave para a vida em Europa é a permeabilidade da sua crosta de gelo – diz Richard Greenberg, professor de Ciências Planetárias da Universidade do Arizona, integrante da equipe de imagens da Galileo e que também não fez parte do grupo responsável pelo artigo na “Nature”. - Há fortes evidências de que o oceano sob o gelo está conectado à superfície por fendas e derretimento. Como resultado, há acesso a oxidantes, compostos orgânicos e luz para fotossíntese. Essa cenário físico fornece uma variedade de nichos habitáveis evolutivos. Se há vida lá, ela não tem que necessariamente estar restrita a micro-organismos – defende.

A real presença do oceano e dos lagos de Europa, no entanto, só poderá ser confirmada por uma futura missão desenhada para sondar a cobertura glacial da lua, classificada como a segunda maior prioridade em recente levantamento decenal sobre ciências planetárias do Conselho Nacional de Pesquisas dos EUA e em estudo pela Nasa. Na Terra, radares são usados para estudar formações similares escondidas no gelo e eles deverão estar entre os instrumentos na futura missão espacial.

- Essa nova compreensão dos processos em Europa não seria possível sem a base de pelos menos 20 anos de observações das capas de gelo e banquisas da Terra – destaca Don Blankenship, co-autor do artigo na “Nature” e também pesquisador da Universidade do Texas, onde lidera levantamentos aéreos com radares dos glaciares terrestres.

Outros potenciais habitats no Sistema Solar incluem Io, outra lua de Júpiter, e Titã, maior lua de Saturno. Nestes casos, porém, por diferentes razões das de Europa e Marte. No de Io, devido ao intenso vulcanismo e à grande concentração de compostos de enxofre, que poderiam formar cadeias orgânicas. Já no de Titã, pela existência de vastos oceanos líquidos em sua superfície, só que compostos de hidrocarbonetos, os “tijolos” químicos da vida.

Fonte: http://oglobo.globo.com/ciencia/oceano-extraterrestre-de-europa-pode-abrigar-vida-3251008#ixzz1e6qEwcwx

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

UFO perseguido por caças de combate nos EUA

Este vídeo é muito interessante! Um UFO perseguido por dois caças de combate, e adivinhem quem levou a melhor nessa caçada!

Fonte: http://www.youtube.com/user/1AmazingWorld

A verdadeira imagem de Marte, que a NASA não quer nos mostrar

A NASA publicou várias fotos de Marte e da Lua, que foram manipuladas, ou seja, foram  retocadas e alteradas por progamas especiais de computador, e quer nos fazer crer que os vídeos são reais. A NASA nos mostra o Planeta Marte em vermelho, quando na realidade não é. Uma coisa é ver Marte desde a terra em vermelho, assim como a Lua, que se vê prateada pelos efeitos da luz solar.

Fonte: http://www.youtube.com/user/abacuq2000

Vulcão gigante é fotografado em Marte

Vulcão em Marte

Para os padrões terráqueos, o extinto Tharsis Tholus é um gigante, com 8 quilômetros (km) de altura e uma base de 155 por 125 km. Mas em Marte seu tamanho é comum. O que o faz único é sua condição terrível.

Visto através de imagens tiradas com uma câmera de alta resolução, acoplada a uma nave da Agência Espacial Europeia, o cone vulcânico está marcado por vários eventos dramáticos. Em seus quatro bilhões de anos, pelo menos duas partes já ruíram.

Mas a atração principal do Tholus é sua cavidade. Quase circular, com 32 por 34 km, o seu fundo deve estar a pelo menos 2,7 km do topo.

Imagina-se que o vulcão esvaziou sua lava durante as erupções e, com o material fervente correndo pela superfície, o chão da cavidade não conseguiu suportar seu próprio peso, formando o gigante buraco.

Além do vulcão, novas descobertas são esperadas em nosso vizinho vermelho. Nesse mês, duas missões estão preparadas: uma russa, que vai aterrissar em Phobos, a maior das duas luas de Marte, e uma americana, desenhada para detectar moléculas orgânicas no mundo.

Crédito: [ScienceDaily]

Fonte: http://hypescience.com

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Formação com oito agroglifos surgiu em Ipuaçu no domingo

Nova ocorrência em Santa Catarina surpreende até os mais céticos

Por Paulo R. Poian – 08/11/2011

Logo após o início do surgimento de misteriosas figuras em campos catarinenses a partir de 31 de outubro [Veja matérias exclusivas relacionadas ao final da postagem], ao entardecer do domingo (06) uma literal "formação" de agroglifos foi encontrada em Ipuaçu, noroeste de Santa Catarina, novamente em plantações de trigo. Desta vez, são oito figuras simultâneas e surpreenderiam pelo tamanho - algo em torno de 50 m de extensão total, à confirmar.
Os agroglifos já apareceram em Ipuaçu em três anos anteriores (
2008, 2009 e 2010).
O arquiteto e consultor da Revista UFO Antonio Fontenele, ao ficar sabendo da notícia na manhã desta segunda-feira, contatou um conhecido que mora na cidade, o Tchello (Twitter: @__TcHeLLo__), que atendeu imediatamente a solicitação e encaminhou algumas das fotos batidas no local. Ele comentou que "parecem um cálice", talvez do chão ao topo do trigal.
Tchello acrescentou que havia um avião sobrevoando a região, possivelmente obtendo imagens aéreas. Outra fonte de Ipuaçu, Jorge Dalzot, relatou que a cidade está apreensiva porque o fenômeno desta vez superou todas as expectativas. A prefeitura vai fazer fotos aéreas e receberemos as imagens. Dalzot acompanhou todos os agroglifos anteriores na região e está estupefato com estes novos casos.

Mais dois
Há outra notícia narrando a descoberta de mais duas figuras nesta segunda-feira nas proximidades e já confirmada pela prefeitura do município, o que aumenta para 10 os agroglifos - em menos de 24 horas - em Ipuaçu.
"Eu recebi agora a pouco, através do colaborador Tchello, de Ipuaçu, um arquivo .PDF que foi enviado por um colega dele, que esteve hoje a tarde na localidade. Esse homem tirou medidas e fez um desenho que eu reproduzi esquematicamente no AutoCAD [Figura abaixo]. De acordo com o desenho - quatro desses círculos representados, sendo que o maior teria diâmetro de 4,2 m - estariam ligados por três retas iguais de 11,3 m ao círculo maior. A largura das retas não foi informada, só o comprimento", informou Fontenele.

Representação de quatro dos 10 círculos, que estariam ligados entre si

Representação de quatro dos 10 círculos, que estariam ligados entre si.

"Se este desenho for realmente o que está lá, trata-se de um agroglifo tão significante quanto a "seta" de 2009 e os crop circles ingleses", opinou ele.

Um dos agroglifos da formação com 10 figuras surgidas no dia 06 de novembro

Um dos agroglifos da formação com 10 figuras surgida no dia 06 de novembro.

Fonte: http://www.ufo.com.br

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

EUA nunca contactaram com extraterrestres

EUA nunca contactaram com extraterrestres

Os EUA nunca tiveram qualquer contacto com seres de outros planetas. A Administração Obama foi obrigada a reconhecê-lo em resposta a uma petição pública assinada por mais de 17 mil pessoas.

"O Governo dos EUA não tem evidência alguma de que exista vida fora do nosso planeta ou que uma presença extraterrestre tenha contactado com algum membro da raça humana. Além do mais, não há informação credível que sugira que alguma prova tenha sido ocultada à opinião pública", refere a resposta oficial da Administração Obama.

A inquirição ao presidente dos EUA partiu de uma iniciativa denominada "Nós e o Povo", que consiste em permitir aos cidadãos que, através de uma página electrónica concebida para o efeito, contactem a Casa Branca e coloquem as suas dúvidas ou pedidos de esclarecimento.

Barack Obama promete responder às perguntas desde que acumulem um determinado número de assinaturas.

A resposta aos interessados em saber, de uma vez por todas, se existe ou não vida para além da Terra foi dada por Phil Larson, o assessor de Política Científica e Tecnologia de Obama. Sob o título de "À procura de ET, mas ainda sem qualquer evidência", Larson nega qualquer contacto com seres de outros mundos, mas sublinha que isso não significa que os EUA não continuem em busca de possíveis contactos.

"Existe um número de projectos de investigação cujo objectivo é perceber se a vida pode ou já existe fora da Terra", refere.

Lars esclarece, ainda, que cientistas e matemáticos chegaram à conclusão de que há muitas probabilidades de, algures entre os triliões e triliões de estrelas existentes no universo, existir um outro planeta com vida.

"Isso, contudo, é o resultado das estatísticas e da especulação. O facto é que não temos evidência credível da existência de extraterrestres", concluiu.

Fonte: http://www.jn.pt

sábado, 5 de novembro de 2011

Estruturas e vegetação em Marte

10/2011

É um vídeo antigo, e que foi atualizado, mostrando algumas estruturas, vegetação e outros sinais de vida em Marte. O vídeo é narrado por Richard C. Hoagland e G. Noory da rádio C2C.

Surge uma pergunta interessante: O que a NASA quer nos dizer nas entrelinhas, com essas imagens? Meu caro leitor, fique a vontade para responder esta questão. “O pior cego, é aquele que não quer ver.”

Fonte: http://www.disclose.tv

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Gillian Anderson diz que está "com dedos cruzados" para que haja novo filme "Arquivo X"

Por Elaine Guerini – 02/11/2011

Os atores David Duchovny e Gillian Anderson em cena de Arquivo X - Eu Quero Acreditar, último filme sobre a série, feito em 2008

Os atores David Duchovny e Gillian Anderson em cena de "Arquivo X - Eu Quero Acreditar", último filme sobre a série, feito em 2008.

Gillian Anderson é a primeira a brincar sobre a "maldição das agentes" que paira sobre a sua carreira – uma herança da personagem Dana Scully da série "Arquivo X". "A minha sorte é que eu gosto de me reinventar", brinca a atriz americana, disposta a retomar nas telas o papel da agente do FBI especializada em casos paranormais. "Os produtores estão discutindo um terceiro longa de ‘Arquixo X’. Estou com os dedos cruzados", diz. O longa está prometido para ser lançado no final de 2012.

Reconhecida ao redor do mundo como Scully, que interpretou de 1993 a 2002, ao lado de David Duchovny (como Fox Mulder), Gillian pode ser vista atualmente na pele de outra agente. Desta vez, com sotaque inglês, ao viver a chefe do MI7, fictício serviço de espionagem britânico, no longa "O Retorno de Johnny English". Pamela (codinome Pégasus), sua personagem, é forçada a recrutar o agente atrapalhado vivido por Rowan Atkinson para impedir o assassinato de um líder mundial. O filme, que estreou na última sexta-feira (28) no Brasil, já arrecadou mundialmente mais de US$ 110 milhões. "O mais difícil nas filmagens foi não cair na gargalhada diante das palhaçadas de Rowan." Leia mais…

Fonte: http://cinema.uol.com.br

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Teólogos acreditam que podemos ter “irmãos em Cristo” alienígenas

Por Tiago Chagas

Teólogos acreditam que podemos ter “irmãos em Cristo” alienígenas

Um evento teológico na cidade de Orlando, na Flórida, discutiu sob o ponto de vista da Bíblia a possibilidade de vida extraterrestre. O simpósio “100 Year StarShip” discutiu temas ligados às viagens espaciais planejadas para o futuro e abordou a possibilidade de vida inteligente fora da Terra.

“Como você pode excluir a possibilidade de que a vida se desenvolveu em outro lugar? Do mesmo modo que há uma multiplicidade de criaturas na Terra, pode haver outros seres, até mesmo inteligentes, criados por Deus”, afirmou o astrônomo José Gabriel Funes, diretor do Observatório do Vaticano. Ele afirmou em entrevista há alguns anos que a Igreja Católica não via problemas em relação à possibilidade de existir vida inteligente em outros planetas do universo: “Os astrônomos acreditam que o universo é composto de 100 bilhões de galáxias, cada uma das quais possui bilhões de estrelas. Muitas dessas, ou a maioria, poderiam ter planetas habitados. Isso não contradiz nossa fé, pois não podemos colocar limites à liberdade criadora de Deus. Se consideramos criaturas terrestres como ‘irmão’ e ‘irmã’, por que não poderíamos falar também de um ‘irmão extraterrestre’?”.

A discussão sobre esse assunto acontece há bastante tempo. Uma das dúvidas que surgiram durante o evento está ligada à forma que teólogos e líderes religiosos reagiriam a um possível anúncio de descoberta de vidas extraterrestres. “Depende do que você entende por comunidade religiosa. Se você está falando sobre os teólogos saiba que eles, de tempos em tempos, abordam a questão da existência de outros mundos com seres inteligentes como parte da criação de Deus. Acredite ou não, isso vem acontecendo há 800 anos,” afirmou Ted Peters, teólogo e professor no Seminário Teológico Luterano do Pacífico e no Seminário de Graduação Union, e que também é escritor e publicou diversos livros sobre o assunto.

Ted Peters foi além e afirmou que o assunto é tratado de forma séria, conforme as descobertas da ciência avançam. “Eu conheço vários jesuítas que trabalham no observatório do Vaticano e eles são cientistas sérios que estão a tentar responder à questão da possibilidade de inteligência extraterrestre”, afirmou Peters, que está coordenando uma pesquisa sobre o assunto entre pessoas que creem em Deus. Segundo conclusões parciais de sua pesquisa, “as pessoas de muitas denominações diferentes, acreditam que a realidade da vida extraterrestre não faria mal à sua fé”.

Sobre os pesquisadores do Vaticano, Peters ressaltou: “teologicamente, eles acreditam que a criação de Deus é imensa e que outros seres inteligentes seriam criaturas do mesmo Deus que conhecemos, pois só há um Deus.”

Fonte: Gospel+

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Encontrar ETs poderia mudar as religiões para sempre

Por Patricia Herman

A descoberta de alienígenas inteligentes seria estonteante em muitos aspectos, mas pode representar um dilema especial para as religiões do mundo.

Os cristãos, em particular, podem ser afetados mais fortemente por notícias assim, porque o sistema de crença cristã não permite facilmente outros seres inteligentes no universo.

Fica a pergunta “Jesus morreu por aliens também?”. De acordo com o cristianismo, o evento histórico há cerca de 2 mil anos era para salvar toda a criação divinda. Imagine o dilema…

Veja como o debate vai: se toda a criação inclui 125 bilhões de galáxias com centenas de bilhões de estrelas em cada uma, como os astrônomos pensam, então o que aconteceria se algumas dessas estrelas tivessem planetas com civilizações avançadas também? Por que Jesus Cristo veio à Terra, de todos os planetas inabitados no universo? Para salvar os terráqueos e abandonar o resto das criaturas de Deus?

Um professor de filosofia da Ruhr-University Bochum, Christian Weidemannof, se autodescreve como cristão protestante e sugeriu algumas soluções possíveis. Talvez os extraterrestres não sejam pecadores, como seres humanos, e portanto não precisem de salvação. No entanto, o princípio da mediocridade – a ideia de que o seu exemplo é mais provável, a menos que você tenha provas em contrário – lança dúvidas sobre isso.

Se existem seres inteligentes extraterrestres, é seguro assumir que a maioria deles são pecadores também, disse Weidemann. Se for assim, Jesus irá salvá-los também? Provavelmente não. Então, a nossa posição entre os seres inteligentes no universo seria muito excepcional.

Outra possibilidade é a de que Deus encarnou várias vezes, enviando uma versão de si mesmo para salvar cada planeta habitado separadamente.

No entanto, com base nas melhores estimativas de quantas civilizações poderíamos encontrar no universo e por quanto tempo os planetas e as civilizações são esperadas para sobreviver, encarnações de Deus teriam que estar em cerca de 250 lugares simultaneamente em um dado momento, assumindo que cada encarnação levou cerca de 30 anos.

Se Deus realmente se tornou corpóreo e tomou forma humana quando Jesus Cristo nasceu, as várias reencarnações não teriam sido possíveis.

Embora a descoberta de inteligência extraterrestre provavelmente estimule um profundo exame de consciência nas pessoas de todas as crenças, muitas das religiões do mundo podem facilmente se acomodar ao conhecimento do que ao cristianismo.

Isso parece ser um problema somente para o cristianismo.

No Islã, por exemplo, Maomé era um profeta, ou mensageiro de Deus, não Deus encarnado. Por isso, profetas adicionais poderiam simultaneamente visitar outros planetas para salvar espécies extraterrestres.

Em última análise, no entanto, a descoberta de alienígenas inteligentes não é suscetível de constituir uma grave crise para o cristianismo. Afinal, a religião já sobreviveu a desafiadoras revelações científicas antes.

Para Hoffmann, a religião é essencialmente conservadora. Você pode colocar quase qualquer coisa sob o seu nariz que ela não vai dar bola.

Créditos: LiveScience

Fonte: http://hypescience.com

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

As provas definitivas da visita dos extraterrestres aos Mayas

México e Guatemala desclassificaram códices, objetos e documentos que supostamente garante os contatos desta civilização com os extraterrestres.

“Chegou o momento de revelar esta informação pelo bem da humanidade.” Com semelhante declaração de intenções dos governos do México e da Guatemala, decidiram tornar público diversas provas que estavam ocultas até agora e que, supostamente, demonstram que houve uma visita extraterrestre a civilização Maya.

Imagen de una de las pirámides mayas

Os contatos dos extraterrestres com os Mayas teria sido um argumento recorrente para aqueles que defendem que não somos os únicos habitantes do universo, mas que alguns dos nossos vizinhos, entraram em contato conosco. Agora um cineasta mexicano Juan Carlos Rulfo prepara um documentário, filho do escritor Juan Rulfo, pretende trazer a luz, as provas “definitivas” de que os extraterrestres visitaram a civilização Maya.

O documentário que terá por título “Revelações dos Mayas 2012 e mais além”, mostrará códices, objetos e documentos oficiais que os governos do México e da Guatemala teriam mantida até agora em segredo, e que agora decidiram desclassificar pela ocasião.

A estreia do filme coincidirá com o fim do calendário Maya, em 2012, para aproveitar o que a mídia  supõe uma data que muitos consideram o fim do mundo. Mas campanhas de marketing aparte, o certo é que os autores prometem que estas provas, respaldadas pelo testemunho de diversos arqueólogos e especialistas, será a confirmação “irrefutável” de que houve algum tipo de contato entre as civilizações.

Uma nave espacial no meio da selva

Segundo o que foi adiantado ao diário The Guardian o produtor do documentário, Raúl Julia-Levy, um dos mais entusiastas com este projeto, teriam sido os governos do México e da Guatemala, sobre cujos territórios se estabeleceram a civilização Maya, o que teriam decidido desclassificar documentos sobre esta suposta visita extraterrestre.

"México vai nos entregar os códices, artefatos e documentos que contem evidências de que houve este contato entre os Mayas e extraterrestres, e toda essa informação será corroborada por arqueólogos e especialistas”, assegurou Julia-Levy. Entre estes especialistas está Luis Augusto García Rosado, secretário do ministro de estado mexicano de Campeche, que adiantou que há traduções de códices que teriam permanecido durante anos ocultos e guardados em secretos cofres, e inclusive fala de artefatos voadores que caíram na selva há uns 3.000 anos.

Um UFO caído no meio da terra, e que ainda não disseram nada? Por que? A espera de confirmar até que ponto são exatas estas evidências, o Governo da Guatemala, teria preparado o terreno, pela fala do seu ministro de turismo, Guillermo Novielli, antes do que está por vir: “É chegado o momento de trazer a luz estas informações”.

Entre outras novidades, o documentário de Rulfo, traz o resultado das buscas realizadas em zonas poucos exploradas da Guatemala e do México, como Calakmul, cujos achados, permanecem em segredo até esta data, segundo The Guardian.

O calendário Maya conclue que no dia 21 de dezembro de 2012, uma circunstância que está alimentando as teorias conspiratórias que predizem que esta data, uma grande catástrofe destruirá o mundo.  Claro que não há nenhuma só prova científica que encoraja esta possibilidade. Alguns especialistas explicam que esta data é o final de um ciclo do calendário daquela civilização e o começo de outro período de 5.125 anos de duração.

Fonte: http://www.larazon.es

terça-feira, 20 de setembro de 2011

EUA: avistamentos de OVNIs aumentaram drasticamente em agosto

The Flying Saucer movie poster

De acordo com uma organização que rastreia relatos de OVNIs, o verão americano tem sido um período particularmente agitado para avistamentos.

A Mutual UFO Network (MUFON) observou que os avistamentos aumentaram ao longo das últimas seis semanas, com alguns estados mais do que duplicando o seu número normal de visões de OVNIs.

O que estaria acontecendo? Estamos na iminência de uma invasão alienígena? Ou talvez as pessoas só estejam com mais tempo para notar coisas estranhas no céu?

“É muito emocionante”, disse Clifford Clift, diretor internacional do MUFON. “Quando você tem em média 500 por mês [no país] e o número sobe para 1.013 em um mês, é um ponto interessante em relatórios de observação”.
Clift não tem certeza do que fazer com os dados neste momento. Poderia ser o começo de algo grande, ou poderia ser apenas uma falha de computador que acidentalmente contou alguns relatos duas vezes.

Outra possibilidade é que nós estamos simplesmente no meio de um “aumento periódico”, dos muitos aumentos periódicos nos avistamentos ao longo dos anos.

Há várias razões para OVNIs aparecem sempre “em massa”. Uma delas é que os objetos no céu geralmente são vistos por muitas pessoas, especialmente quando aparecem em áreas urbanas.

OVNIs não costumam pairar perto da Terra ou no quintal de alguém; em vez disso, eles são frequentemente avistados no céu, suficientemente longe para que não se possa ver detalhes ou obter fotos nítidas.

Assim, seja o que realmente for um OVNI – um avião, um cometa, uma espaçonave extraterrestre, ou qualquer outra coisa – um objeto ou luz estranha no céu poderia desencadear centenas ou mesmo milhares de relatórios. E até mesmo relatos de um mesmo objeto, provavelmente, diferem dependendo da perspectiva de quem relata.

Assim, se houve centenas de relatos de OVNIs em um estado durante um determinado período, é importante saber como esses relatórios foram classificados, porque podem significar centenas de OVNIs diferentes avistados por indivíduos isolados, ou um OVNI avistado por centenas de pessoas.

Há também explicações psicológicas e sociais para os avistamentos, que são muitas vezes alimentados pelos meios de comunicação.

As pessoas leem sobre coisas misteriosas ou veem programas de TV, e se interessam e conversam sobre isso. Não se trata de “mentira”; pesquisas mostram que se você diz às pessoas o que procurar, elas vão muitas vezes ver o que estão procurando, não importa se a coisa exista ou não.

“É provável que a mídia e filmes sobre alienígenas estão despertando o interesse das pessoas. As pessoas ouvem sobre OVNIs, e por um tempo tendem a olhar para o céu com mais frequência, perguntando se poderiam ter sua própria observação. E precisamente porque as pessoas estão gastando mais tempo olhando para o céu, vão notar pela primeira vez luzes e objetos normais que sempre estiveram lá”, explica Clift.

Portanto, pode ser que os OVNIs não estejam aparecendo com mais frequência, mas sendo relatados com mais frequência.

Um processo idêntico pode ser encontrado no campo da medicina, onde um aumento nos relatos de uma doença pode não representar um aumento no número real de casos, mas sim reflete a consciência pública sobre a doença ou as melhores técnicas de triagem. Em outras palavras, os cientistas sabem que só porque mais pessoas relatam um fenômeno não significa necessariamente que o fenômeno está ocorrendo com mais frequência.

Dito isto, Clift assinalou que sua organização normalmente não vê aumentos tão dramáticos nos relatórios. Se o aumento das visões está enraizado na realidade, ou é uma falha de computador, ou reflete influências psicológicas e sociais, não se sabe. Mas uma coisa é certa: esta não é a primeira vez que relatos de OVNIs aumentam, e nem será a última.

Créditos: LiveScience

Fonte: http://hypescience.com

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Onda de UFOs no México

Por Yohanan Díaz Vargas


Vivemos uma nova onda de UFOs na República Mexicana! Para da um exemplo: nos dias 9, 10 e 11 de setembro, registraram-se em vários estados federativos, uma grande quantidade de avistamentos de objetos voadores anômalos de várias cores e em sua maioria de forma esférica que sobrevoavam a baixa velocidade, e que tinham uma formação bem definida, e que não produziam sons e praticamente iam desviando do topos dos edifícios que se encontravam em seu caminho, o que indica um comportamento inteligente, sobre tudo quando as testemunhas afirmam que iam contra o vento.

Objetos anômalos que foram avistados em San Luis Potosí, Tijuana e Ensenada em Baixa Califórnia, assim como Iztapalapa no Distrito Federal, de onde  reportaram UFOs que emanavam um grande luminosidade branca no centro e ao redor uma tonalidade avermelhada. Avistamentos massivos captados com telefones celulares que movem constantemente pelo céu ante o absoluto silêncio das autoridades aeroportuárias e governamentais, que até essa data, não se pronunciaram. Agora, a pergunta: Este tema interessa ao governo e ao exército? Deixamos por um momento o tópico extraterrestre e  localizamos tecnologia avançada de outros países que estão fazendo algum tipo de reconhecimento do terreno para qualquer objetivo, mas temos por outro lado, quem sabe, grupos que realizam ações para o transporte de droga, onde o tema da segurança nacional no momento, que milhares de pessoas em toda a República Mexicana veem estes objetos voando impunemente e que os noticiários informam aos seus leitores, apresentando dados e imagens.

Fonte: http://www.yohanandiaz.blogspot.com/

terça-feira, 13 de setembro de 2011

UFO sobre Barstow, Califórnia

Barstow, Califórnia – 24-05-11

Eu e a minha namorada estávamos hospedadeos em um hotel em Barstow, na Rota 66. Estávamos na parte de trás do estacionamento do hotel, observando o pôr do sol e conversando, quando eu notei um objeto escuro no formato de um charuto imóvel no céu.

Felizmente eu tinha uma cãmera, e com a lente de 70-200 milímetros, dei um zoom que me permitiu focalizar o objeto mais próximo, e tirei algumas fotos.

No início, o objeto era muito grande, mas pareceu diminuir de tamanho. Eu tirei mais três fotos do objeto, por um período de 1 a 2 minutos. Você pode ver que o objeto mudou de forma em um curto período de tempo.

Além disso eu notei que parecia haver outros pequenos objetos acima.

Estes objetos menores pareciam estar saltando em cima do grande objeto.

Nós observamos o objeto desaparecer lentamente, mas manteve a forma geral de um charuto até o fim.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: UFOCASEBOOK

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

domingo, 21 de agosto de 2011

UFO sobre El Rosario Azcapotzalco - México

Filmado por Alfredo Carrillo Romero no dia 12 e 13/10/2010. As esferas, são os UFOs mais avistados e filmados em todo o México.

Fonte: www.ufosovnismexico.com

sábado, 20 de agosto de 2011

Novo avistamento de UFO na Suécia

Suécia – 16/08/2011

Fonte: http://www.youtube.com/user/CosmicStarTraveler

UFOs sobre a rodovia em plena luz do dia

Repórter da BBC, filma luzes brilhantes sobre a rodovia M11. Vejam o vídeo!

O ufólogo Nick Pope ficou perplexo com as imagens.

"É um vídeo realmente interessante", disse ele.

"Assumo que é genuíno, e uma das cenas mais bizarras de UFO que eu já vi."

Fonte: http://www.thesun.co.uk

UFO em forma de charuto sobre San Francisco - CA

cacraft1

cacraft2

cacraft3

MUFON CMS – 14/8/2011 - San Jose, California – Testemunha diz que avistou o objeto e o identificou como um meteoro brilhante. Após verificar as fotos no computador, constatou que o mesmo era um UFO em forma de charuto, pois naquele momento não avistou nenhuma outra aeronave por perto.

Fonte: http://naturalplane.blogspot.com

Relatório traz possibilidade de ETs destruírem a humanidade para salvar ambiente terrestre

Trabalho foi manuscrito pela NASA e levaria bem a sério a hipótese de um encontro alienígena na Terra

invasão

Atípico: relatório insólito oriundo de cientistas. Crédito: Darlow Smithson/Discovery Channel

"Constatando o que os humanos estão fazendo com o planeta, os extraterrestres poderiam ser forçados a tomar medidas drásticas". Por mais inusitada - e ao mesmo tempo conhecida - que possa parecer, desta vez esta não é uma frase tirada dos típicos filmes de Hollywood.
Cientistas acreditam realmente e estão levando em conta a possibilidade de que ETs possam destruir a humanidade para salvar outras civilizações. O aumento do efeito de estufa seria uma das causas e os alienígenas poderiam se sentir ameaçados, segundo o jornal britânico Daily Mail.
Uma (ou várias) raça de outro mundo estaria atenta às alterações atmosféricas do planeta Terra. Num
relatório da Agência Espacial Norte-Americana (NASA) em parceria com a Universidade Estadual da Pennsylvania, uma equipe de pesquisadores afirmou que a solução para salvar a humanidade será reduzir as causas e alastramento do efeito estufa, prevenindo assim um ataque alienígena.
"Esses cenários nos dão razões suficientes para limitar o nosso crescimento e reduzir o nosso impacto sobre os ecossistemas globais. Seria particularmente importante para nós limitar as emissões de gases de efeito estufa, uma vez que a composição atmosférica pode ser observada a partir de outros planetas", defendem os autores do estudo.
Não deixando de ser um cenário especulativo, Shaw Domagal-Goldman, cientista da NASA, juntamente com colaboradores da Universidade Estadual da Pensilvânia, acredita que o contato com extraterrestres pode acontecer a qualquer momento. Os cientistas alertam que os ETs podem ser cautelosos sobre civilizações com rápida expansão, pois poderão destruir outras. Num cenário extremo, poderiam destruir a humanidade para se protegerem.
"Um ataque preventivo seria particularmente provável nas primeiras fases da nossa expansão, porque uma civilização pode tornar-se cada vez mais difícil de destruir, uma vez que continua a expandir-se. A humanidade pode estar agora prestes a entrar num período em que a sua rápida expansão civilizacional pode ser detectada pela inteligência artificial, já que está alterando a composição da atmosfera da Terra com emissões de gases de efeito estufa", afirma o relatório.
No documento, conforme o artigo do Daily Mail, é possível ler ainda várias dicas apresentadas pelos cientistas no preparo da humanidade para o "Contato Final". Coincidentemente, tal estudo vem à tona exatamente após o economista e Prêmio Nobel
Paul Krugman sugerir em rede nacional na TV uma invasão extraterrestre – mesmo que forjada – para reativar a economia norte-americana.

Fonte: www.ufo.com.br

Cidade UFO fantasma mostra um pouco da história da humanidade

Demolida em 2010, essa cidade em Taiwan almejava funcionar como casas para férias.
Por
Ana Paula Pereira

cidade fantasma

O Notcot publicou recentemente uma curiosidade sobre uma cidade construída em Taiwan, cuja arquitetura das casas foi baseada no formato que atribuímos aos OVNIs. O complexo, que deveria ser o sonho arquitetônico de todo amante da ficção científica, foi construído com o intuito de funcionar como “casas para passar as férias”.

No entanto, ele nunca fez muito sucesso, no quesito “realmente ser habitado”, mas se tornaram atração turística por algum tempo, além de servirem como casas para desabrigados. A princípio, não houve qualquer motivo oficial atribuído ao fato de a região ter se tornado apenas mais uma “cidade fantasma”.

cidade fantasma2

Entretanto, há especulações a respeito de que uma série de acidentes fatais teria ocorrido durante as obras, fazendo com que os moradores acreditassem que o local fosse mal-assombrado. Isso teria feito com que o responsável pelo projeto determinasse a interrupção das construções. Há também a hipótese de que o empreendimento foi abandonado por falta de recursos para o término.

Independente do motivo real, a cidade foi demolida em 2010, restando apenas algumas imagens feitas por yusheng e publicadas em seu Flickr.

Fonte: http://www.tecmundo.com.br

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Van Damme inicia gravações de filme sobre ataque de UFOs

UFO - Try to Remain Calm [UFO - Tente Manter a Calma]

!cid_image001_jpg@01CC5B5DLonga-metragem começa ser produzido e previsão de

Além de Os Mercenários 2, os fãs de Jean-Claude Van Damme poderão ver o astro dos filmes de luta na ficção científica britânica intitulada "UFO". Segundo o The Hollywood Reporter, as filmagens começam nesta semana na Inglaterra.
O filme conta a história de cinco amigos que acordam em uma manhã aparentemente normal e descobrem que não há sinal de telefonia móvel e os rádios não sintonizam nada, estão todos estáticos. Duas noites depois, com um pouco mais de informação, um UFO aparece sobre a cidade e cobre toda a sua extensão. É quando o desespero toma conta dos cinco e da população.
O ator vai dar vida a um conselheiro militar aposentado no filme escrito e dirigido por Dominic Burns. O cineasta contou à BBC News que entrou em contato com Van Damme pelo e-mail da sua mulher e foi "surpreendido quando ele concordou em fazer o papel".
"
UFO" também traz Bianca Bree em seu primeiro papel principal, Sean Brosnan e Simon Phillips. Todos eles estarão esta semana em Derbyshire, na Inglaterra. Produzido por Andy Thompson, Tim Major e Simon Phillips, sob a bandeira do trio Hawtorn Productions, o projeto é o primeiro que Burns faz como roteirista e diretor. Os produtores disseram que o longa ainda não tem um distribuidor, mas planeja achar a tempo de lançá-lo ainda em 2012.

Fonte: www.ufo.com.br